Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




À espera de ver a neve 2

por Dora Sofia, em 21.02.13

Continuo nos gorros, chapéus, bonés, o que entenderem chamar-lhes... Ainda não aprendi a gostar assim tanto deles, mas vou melhorando. A cor não ajuda, é certo, mas só podiam ser desta cor; a linha não ajuda, é certo, mas, não podendo sair de casa, era o que cá havia desta cor... O acaso assim o ditou! São os meus dois filhos do acaso!

 

Um simples, mas não simplório, ou, como dizem cá por casa, muito retro (?), seja lá o que isso for...

 

  

 

 

Todo a ponto alto, com o rebordo a ponto baixo, e com uns aumentos no sítio certo. Estou convencida de que este gorro, com outra lã, e outra cor, ficava um mimo...

 

O outro, a pedido, com palinha, decerto na esperança de encontrar a neve e o sol de braço dado...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bom, pelo menos mantém-se a certeza de que os meus trabalhos são muito mais bonitos ao vivo do que nas foto. Não imaginam como é difícil tirar fotografias, quando se é fotógrafa e modelo; esta última foi no espelho... trabalheira! ufa! Fazê-lo foi bem mais fácil; ponto alto e ponto alto pego pela frente (acho que é assim que se chama...) e a pala a ponto baixo.

 

Querem um esquema? Eu faço outros, com outra cor e outra lã, e publico um passo-a-passo. Para estes não houve tempo, nasceram das horas de espera em consultórios médicos e entre medições de febres {#emotions_dlg.sidemouth}.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


pegas ou bases?

por Dora Sofia, em 30.10.12

As prendas de natal pequeninas este ano vão ser assim. Percebi que entre prendinhas pequeninas que dou todos os anos, às educadoras, professoras, auxiliares dos meus filhos, troca de prendas em jantares, de professores, de amigos, de jeitosos, da ginástica, e mais duas ou três pessoas que é só para lembrar, acabo sempre por gastar uma pequena fortuna. Por isso, este ano, pus mãos à obra, ou melhor, à linha e já se veem alguns resultados. Agora, apenas hesito entre colocar um pequeno anel para pega ou deixar simples para base, ou o que se se quiser...

 

Bases para copos vazios {#emotions_dlg.brrrpt} :

 

 

Pegas para panelas ausentes {#emotions_dlg.confused}:

 

 

 Enfim, as fotos estão péssimas, as ideias também não são grande coisa, mas o resultado final é bem bonito!

  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Xaile "espera-maridos"

por Dora Sofia, em 24.10.12

Não faço nada igual. não consigo... mas, há que ver, nisto de esperar maridos, cada uma deve ter os seu... "espera-maridos", entenda-se {#emotions_dlg.blink}

 

Eis a cor escolhida (porque me parece que a futura dona sabe bem o que quer e não está para aceitar sugestões de terceiros...) e o padrão:

 

 

Espero que gostes!!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Que farei com este livro?

por Dora Sofia, em 15.10.12

 

Ocorre-me vezes sem conta a pergunta de Camões-Saramago. Hesito entre mala, saco, almofada, quadro, manta... tantas ideias, tão poucos squares!

 

Posso sempre fazer um caminho até a outro lado do crochet

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


De coração...

por Dora Sofia, em 12.10.12

 

 

 

Depois do meu coração mais ou menos imperfeito do último post, achei que os meus amigos merecem um coração, não perfeito, jamais!, mas muito, muito mais coração...

 

 

Lindo também para enfeites de natal, não acham?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Obrigada!

por Dora Sofia, em 10.10.12

 

 

"Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim. Para isso, só sendo louco. Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças. 

 

Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta. Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos. Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa. 

 

Tenho amigos para saber quem eu sou. Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril."

 

OSCAR WILDE

Autoria e outros dados (tags, etc)


Écharpes, lenços, cachecóis, coisas..

por Dora Sofia, em 08.10.12

Nas minhas tentativas de aprender a fazer pontos diferentes, de brincar o jogo do "deixa ver como fica", fui fazendo várias coisas que atiro para cima dos ombros, enrolo, sem grande cuidado. Os efeitos são surpreendentes.

 

 

 

 

 

 

 

Tirei todas as fotos com uma t-shirt muito simples para evidenciar as características de cada um deles. No entanto, não é fácil ser fotógrafa e modelo em simultâneo. Preciso, urgentemente, de modelos!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Amores. Manhãs de sol, tardes de sol, noites de luar. Cheiro da chuva na terra. Cheiro do vento no mar. Livros. Praia. A vista da minha janela. Lareiras. Conversas.

foto do autor



Instagram

Instagram


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D